bella torre 6
A+ B-
Publicada em 01 de Outubro de 2019
Foto:

Mesmo com queda de repasses do Estado e da União, Curitiba amplia investimentos



Apesar da queda dos repasses constitucionais do Estado e da União, Curitiba registrou bons resultados financeiros e vem ampliando investimentos em 2019. Os números do segundo quadrimestre deste ano foram apresentados pelo secretário de Finanças, Vitor Puppi, em audiência na Câmara Municipal, nesta segunda (30/9). Os dados mostram que houve um aumento de 23% nos investimentos da cidade, o equivalente a para R$ 142 milhões até o segundo quadrimestre deste ano. O resultado primário (diferença entre receitas e despesas, excluindo os gastos com pagamento de juros) foi positivo em R$ 436 milhões. “Curitiba continua sua trajetória de equilíbrio fiscal, mesmo com a queda significativa dos repasses do Estado e da União. Isso é possível porque praticamente 60% das receitas correntes são geradas no próprio município”, ressaltou. As Receitas Correntes tiveram aumento real de 2,75% até o segundo quadrimestre, totalizando R$ 5,48 bilhões, influenciada positivamente pelas arrecadações do Imposto sobre Serviços (ISS), com alta de 8,3%, para R$ 874 milhões, e de IPTU, com 5,51% de aumento, para R$ 649 milhões. As receitas de capital recuaram 27,8%, para R$ 71,4 milhões, e a receita intra-orçamentária (como contribuições sociais e taxa de administração relativas ao custeio do regime próprio de previdência) teve retração de 35,75% para R$ 495,8 milhões. Com isso, as receitas (sem contar as receitas intra-orçamentárias) somaram R$ 5,55 bilhões, alta real de 2,19%.



Mostra Comentarios